Game of Thrones ganhou o jogo ideal para qualquer fã | Spoilers

Game of Thrones ganhou o jogo ideal para qualquer fã

A narrativa de Game of Thrones é merecidamente um sucesso tanto na versão literária quanto na adaptação para a TV, mas a franquia não tinha recebido um jogo de video game à sua altura até este mês, quando chegou às lojas digitais o novo jogo da Telltale Games. A desenvolvedora é especializada em adaptações de filmes, quadrinhos e spinoffs de outros jogos – especialmente aclamada por The Walking Dead, que ganhou até uma segunda temporada.

Como o nome da empresa já diz, seus jogos são muito mais focados no enredo do que na jogabilidade, com controles bastante simples e nada de meia-lua + soco para usar golpe especial. Essa característica torna o jogo ideal até mesmo para quem não costuma jogar ou sequer se interessa por video games.

Dividido em episódios de cerca de duas horas de duração cada (com saves automáticos pro jogador poder sair do game a qualquer hora sem perder o que já fez), você controla personagens importantes e toma as decisões que vão dar continuidade à história. O primeiro episódio de Game of Thrones começa paralelamente a um certo casamento do final da 3ª temporada da série, seguindo personagens da Casa Forrester, que não conhecíamos até então, mas já importam mais do que muita gente da série de TV. O jogo apresenta um roteiro caprichado, e ter o poder de tomar as decisões dos protagonistas torna tudo muito envolvente e tenso, principalmente porque o tempo para decisões é escasso. Quanto maior a importância da escolha, mais rápido corre o relógio para que ela seja feita logo.

Confrontar a Cersei é desafiante e assustador

Vários personagens da TV já apareceram neste primeiro capítulo, dublados pelos próprios atores, como Cersei – descer o corredor até o trono onde ela está sentada, esperando para uma breve acusação conversa parece levar uma eternidade tamanho o frio na barriga –, Tyrion, Margaery e Ramsay Snow. Jon Snow e Daenerys já estão confirmados para dar as caras em episódios futuros.

As decisões, pelo menos neste ~piloto~, parecem não ter afetado tanto o resto da história até o momento. Quatro representantes da equipe do Spoilers jogaram de forma independente e, apesar de escolhas diferentes em momentos cruciais, parecem ter obtido resultados bem parecidos. No entanto, assim como foi em The Walking Dead, isso deve mudar já no próximo episódio, o qual já pudemos conferir um preview, ao final do primeiro, com cenas concentradas nas consequências de nossas escolhas.

Os protagonistas

Para quem sempre quis viver dentro de Westeros e da Guerra dos Cinco Reis pelos olhos dos Starks, o primeiro episódio tem praticamente de tudo. Os três protagonistas iniciais – Ethan, Mira e Gared – estão em situações parecidas com os Starks.

Ethan é o filho do meio que logo assume um papel parecido com o de Bran Stark: apenas com uma parte da família em casa, Ironrath, Ethan se torna o responsável e precisa tomar decisões complicadas, sempre com o futuro de sua família e casa em mente. Ele é apenas uma criança que mal sabe segurar uma espada e de repente deve dar exemplo aos seus seguidores. Cabe ao jogador tomar todas as decisões difíceis por ele.

O tipo de comandante que o Lord Ethan Forrester é depende das suas escolhas

Mira é a Sansa dos Forrester, vivendo em Porto Real e fazendo o que pode por sua família. Graças a ela, é claro, nos encontramos com vários dos mais famosos personagens da série. É também graças a ela que lembramos de um clássico elemento de Game of Thrones: o fato de que você não pode confiar em ninguém, muito menos em Porto Real. Quando começamos a jogar com a Mira, é natural ser simpático e se pegar batendo papo descontraídamente com outra pessoa, até que você se lembra que isso é Game of Thrones e se pergunta “peraí, por que eu estou falando isso? Quem é essa guria, afinal? Ela está do meu lado? E se ela for uma espiã da Cersei ou do Varys?” e imediatamente muda sua atitude.

O último personagem, mas não menos importante, é Gared, o escudeiro da família Forrester e com quem iniciamos a história do jogo. Por não ser do mesmo sangue deles, ele nos lembra o Jon Snow. O cara bem educado que todos gostam, mas que é tratado diferente por não ser da família.

Questões técnicas

Apesar da qualidade garantida por uma produtora conceituada, “Iron from Ice”, o primeiro episódio da série, não é perfeito. Os controles, apesar de simples, são confusos no começo, e foram reportados alguns bugs de som na versão para computador – no PS4 tudo ocorreu sem problemas. O console da Sony também oferece uma compra episódio a episódio, o que pode facilitar a vida de quem está sem grana nesse final de ano e não pode investir todos os 50 reais do pacote completo com todos os capítulos, o chamado Season Pass.

Não é preciso ter um PC poderoso pra rodar o jogo (que pode ser comprado no Steam) e também está disponível para todos os consoles. Se você é fã de Game of Thrones, não importando se tem ou não o hábito de jogar video game, precisa conferir este jogo.

Resenha por: Onã Tolentino, Cesar Soto, Pirs Duval e Carol Scoponi.

[Crédito das Imagens: Reprodução/Telltale Games]