A recap para você não precisar ver Scandal – 5×14 e 5×15 | Spoilers

A recap para você não precisar ver Scandal – 5×14 e 5×15

Como a idéia é você não assistir aos episódios, to contando tudo, ok?

Está recap será dupla porque a vida aconteceu tanto que até eu me atrasei em Scandal, mas vamos lá.

Episódio 5×14 – I See You e  Episódio 5×15 – Pencil’s Down

As roupas da Olivia continuam ótimas! Seguem duas para seu board no Pinterest:

Já a história…

Lembram que Liv estava obcecada pelo Jake e a nova namorada? Bom, não contente em passar por essa cena:

Ela instalou câmeras na casa da namorada dele, e por fim se ligou que talvez a moça seja uma missão dele, como ela mesma já foi. Bom, o resultado da investigação foi o seguinte: Papa Pope foi atrás de Vanessa para conseguir informações sobre quais senadores democratas dariam um bom candidato a presidente para ele financiar – e manipular.

Resultado: Edison Davis. Sim! O ex-namorado de Olivia. Não é ótimo?

Vamos então focar nas eleições, porque nesses 2 útimos episódios o quadro ficou mais complexo: até o episódio 5×14 Mellie estava aí circulando sem um gerente oficial de campanha pois Liv estava se fazendo de difícil. Nessa Mellie foi visitar Hollis Doyle, aquele magnata do óleo que fez parte de todo o esquema de corrupção das eleições do primeiro mandato de Fitz. E depois de 2 papos rápidos com Mellie ele se lançou como candidato num estilo muito Trump.

Atualizando o cenário das eleições presidenciais na Shondaland, temos:

Concorrendo pelo partido Republicano:

  • Mellie Grant
  • Susan Ross
  • Hollis Doyle

Concorrendo pelo partido Democrata:

  • Francisco Vargas, com a campanha gerenciada pelo Cyrus que nos leva ao que importa.
  • Edison Davis, com a campanha financiada pelo Papa Pope.

Com esse cenário estabelecido começou toda a preparação para o primeiro debate republicano, cada time com seu candidato. Susan tem todo o time da Casa Branca, incluindo Fitz (sim, finalmente Fitz está trabalhando!). Mellie finalmente tem Olivia Pope como gerente de sua campanha (#vencemos) e logo Liv tem que transformar Mellie em gente como a gente e não só uma baita sabichonha – sim, o diálogo delas com Mellie concluindo que ela tem que “emburrecer” é impagável. Quanta vezes nós mulheres temos que passar por isso, né?

E Doyle? Bom, ele fez bacon no cano que uma metralhadora (sim, isso mesmo que você leu)

O importante para você saber é: a campanha da Mellie está totalmente fora do controle depois que Olivia a enviou para comer hamburguer como qualquer pessoa normal na rede de hamburguer mais famosa do pais e ela foi pega mentindo que sempre foi uma freguesa lá.

Mellie Grant’s Gettysburger Test#Burgergate2016. Enough said. Catch up on #Scandal today!

Publicado por Scandal em Domingo, 27 de março de 2016

Assim Olivia teve que agir aceitando passar informações sujas sobre o novo candidato democrata, Edson Davis, seu ex-namorado, para a campanha de Vargas; recebendo em troca informações sujas sobre Susan (pois é!) minutos antes do início do debate. O que estabelece que o próximo episódio será uma ESCANDALO (pun intended).

Destaque das tramas paralelas: a ascensão de Abby!

Abby demitiu o Cyrus, assumindo o cargo de Chefe de Gabinete da Casa Branca. Ou seja, PODER! Ela conseguiu isso por que finalmente a única mulher que trata o Fitz como o babaca que ele é, e isso é muito bom de assistir. Abby terá pouco tempo governando o país, mas se ela conseguir não ficar apenas sendo uma babá do Fitz, coisas muito boas podem rolar. You go, girl!

E agora é se preparar para o debate, que talvez valha a pena assistir. Eu aviso vocês.

[Crédito das imagens: Reprodução/ABC]