4 séries reimaginadas como se fossem episódios de Black Mirror | Spoilers

4 séries reimaginadas como se fossem episódios de Black Mirror

Black Mirror é uma antologia com fábulas e alegorias, às vezes macabras e às vezes bem humoradas, sobre o impacto que a tecnologia causa na humanidade. Então o que aconteceria se outros shows famosos, na verdade, fossem mais um capítulo da série inglesa?

FRIENDS

Os 6 amigos começam a notar coisas estranhas acontecendo: pessoas que falam uma língua incompreensível, portas que somem e reaparecem do nada e muitos casos de afogamento em piscinas sem escadinhas para sair. O mistério é solucionado na finale: eles eram Sims o tempo todo.

Isso é EXATAMENTE o tipo de coisa que acontece em The Sims.

GAME OF THRONES 

Um videogame super avançado e exclusivo permite que fãs de épicos e aventuras vivam suas fantasias em Westeros. Com diversos pacotes, quem tem mais dinheiro vive uma experiência mais rica, com mais recursos e com mais chances de ganhar o Trono de Ferro. A pegadinha – que os participantes do jogo não sabem porque pra variar ninguém lê as letras miúdas dos termos de privacidade – é que a menos que você conquiste o trono e o mantenha até o fim do jogo, você terá que responder pelos crimes cometidos durante o jogo na vida real.

Pensa numa pessoa que desistiu no meio do jogo.

THE WALKING DEAD 

Máquinas dominaram a terra e exterminaram a maioria da humanidade com um “vírus” – biológico mesmo, não aquele que você tira com o Avira. Mas os poucos sobreviventes não estão cientes disso, já que vivem dentro de um ambiente controlado e monitorado 24 horas por dia combatendo “zumbis” infectados com o vírus apenas para diversão das máquinas! Elas assistem tudo dando gostosas gargalhadas e sem sentir um pingo de remorso, pois jamais foram programadas para isso.   

Também é um dos queridinhos das Máquinas.

GILMORE GIRLS 

As pessoas passam cada vez mais tempo com a cara enfiada no celular, diminuindo interações reais e sua sensibilidade quanto às consequências da vida real. É aí que entra Stars Hollow, uma clínica de reabilitação especial para viciados em tecnologia. Um lugar onde todo mundo se conhece, as interações interpessoais são feitas cara a cara e se quiser ver alguma série, você tem que levantar, ir até a locadora e alugar um VHS.

E você achando que esse cartaz tava aí só porque o Luke é ranzinza.

[Crédito das imagens: Divulgação/NBC/HBO/AMC/CW]